O tradicional Clássico Mineiro de volta: o que esperar?

A Primeira Liga de 2017 já começa com um duelo marcante e que deverá ser bem especial. O Superclássico entre Cruzeiro e Atlético, que acontecerá nesta quarta, pode marcar o inicio de uma nova (ou uma velha-nova) era no futebol mineiro. O Mineirão estará lotado como sempre, mas com uma peculiaridade, novamente por duas cores.

O mando da partida será dividido, portanto, teremos torcida meio-a-meio no Gigante da Pampulha, pela primeira vez desde a reinauguração do estádio em 2013. A expectativa de público é de 60 mil pessoas, sendo destinados aos clubes 27 mil ingressos da carga total. Será mágico, mas além do show das torcidas se espera um grande jogo de futebol.

No último clássico com duas torcidas, o Cruzeiro venceu o Atlético por 2 a 1 na estreia de Dagoberto

De um lado o trabalho inicial de Roger Machado, do outro um legado de 2016 trazido por Mano Menezes: a tática terá grande influência no resultado final da partida. Enquanto o técnico do alvinegro busca alternativas para a falta de volantes no elenco da pré-temporada e aperfeiçoar o posicionamento de Cazares, para que o equatoriano renda seu máximo novamente, o treinador da Raposa busca consolidar Rafael Sóbis na posição de centroavante, considerada a ideal.

Sem vencer o Cruzeiro desde 2015, o Galo não contará com a presença de seu maior destaque em 2016, Robinho, que sofreu uma lesão no Jogo da Amizade entre Brasil e Colômbia, mas contará com Lucas Pratto, carrasco celeste, no time titular. Se tratando de um trabalho bem prematuro, o jogo é importante para a sequência da temporada no ponto de vista do amadurecimento da equipe, já que será o primeiro adversário de Série A no caminho atleticano.

Na semifinal do Mineiro de 2015, Lucas Pratto calou o Mineirão

Por parte da equipe celeste, Mano contará com o que talvez seja o melhor mercado dos últimos anos se tratando de Cruzeiro, devendo utilizar o zagueiro Kunty Caicedo, não como titular, e Diogo Barbosa, que vem se destacando na pré-temporada, como armas para vencer o clássico. Existia a expectativa da estreia de Thiago Neves, mas devido a dificuldades com a documentação o meia deve ficar de fora da partida.

É de se esperar um clássico eletrizante no Mineirão, com uma atmosfera apaixonante e um jogo de futebol com muita qualidade. A partida ainda será muito importante para a classificação das duas equipes na Copa da Primeira Liga, já que o vencedor deve classificar a próxima fase em primeiro lugar do grupo. Os atrativos são muitos e com certeza a maior rivalidade de Minas não vai decepcionar.

O jogo será transmitido ao vivo por SporTV (exceto MG) e Premiere FC.

Colaborou: Igor Dias

Comentários

Comentários