Sem Acréscimos – Semifinais (Volta) – Copa do Brasil

O intuito do Sem Acréscimos é resumir jogo a jogo cada fase da Copa do Brasil para aqueles que não conseguem acompanhar todas as partidas devido a correria diária, ou simplesmente para quem não curte as enrolações dos principais veículos de mídia e prefere uma leitura mais rápida e direta ao ponto. Sinta-se a vontade para deixar sua opinião no campo de comentários ou através do nosso Twitter @SemClubismo_FC.

Atlético-MG 2×2 Internacional (Ida: 2×1)

Inter assusta, mas o Galo se supera, e chega na final da competição. Os visitantes entraram com time misto, mas mesmo assim, eram melhores na partida e abriram ao placar. Aos 26 minutos, Anderson fez jogada individual e cruzou para Aylon abrir o placar. O gol sofrido fez com que o Atlético acordasse, e não demorou muito para o empate vir. Em linda jogada de Lucas Pratto, Robinho bateu cruzado e empatou a partida. Pouco tempo depois veio o balde de água fria, após falha bisonha do goleiro Victor, Anderson roubou a bola e pôs o Inter em vantagem. No começo da etapa final, veio o alívio para a massa atleticana. Robinho devolveu o presente para Lucas Pratto, que fez o gol da classificação alvinegra. A partir daí, o Colorado foi para o abafa, mas sem êxito.

Grêmio 0x0 Cruzeiro (Ida: 2×0)

Grêmio segura a vantagem do jogo de ida e está na final da Copa do Brasil pela oitava vez. Podendo perder por até um gol de diferença, os mandantes claramente não se preocuparam em atacar, esperando uma pressão dos mineiros. O Cruzeiro foi superior mas não conseguiu fazer seu gol. Na volta do intervalo a partida foi bastante movimentada, e os goleiros tiveram bastante trabalho. Com o passar do tempo, o time da casa se acomodava mais na vantagem e ainda teve um gol de Luan anulado erradamente por impedimento. Mas acabou não fazendo falta.

Craque da Rodada: Lucas Pratto

O cara dessas semifinais! Importantíssimo tanto no jogo da ida quanto da volta, o argentino brilhou novamente, e ao lado de Robinho, levou o Galo a final do torneio. Com 2 gols, 2 assistências nos 2 jogos, Pratto foi eleito o Craque Sem Clubismo das Semifinais da Copa do Brasil.

copos

Comentários

Comentários